Portal Terceira Idade - home Prefeitura da Cidade de São Paulo Telecentros - Prefeitura de São Paulo
Notícias do Cidadão Notícias do Cidadão Espaço Livre Espaço Livre Shows e Eventos Shows e Eventos Cursos e Atividades Cursos e Atividades Parcerias Parcerias Direitos 3a.Idade Direitos 3a.Idade

Diálogo Aberto

Enquete "Você acha
que...?"
Enquete
Cadastre-se Cadastre-se
no Portal
3a.Idade!
Busca Procurando
algo no site?
Busca
Pesquisa Links para
Pesquisa
Mural de Trocas Anuncie
seu produto!
Mural
de Trocas
Fale Conosco Dúvidas?
Sugestões?
Críticas?

Fale
Conosco
Dicas de Internet "Download"?
"Browser"?
Dicas
de Internet

Colméias da 3a.Idade
Colméias da 3a.Idade
Escolha o seu assunto e participe de nossas salas de chat temáticas

Espaço Livre
Espaço Livre

Poesias

voltar à página anterior

Título/Texto Autor Postado E-mail
Somos velhos desde que nascemos

Se por acaso nas minhas andanças
Eu me tornasse a ser criança
Podendo de novo a minha infância viver
Antes de tudo, a minha terra eu não largaria
Daria a ela toda honraria
Pacientemente eu aguardaria
Vê-la um dia crescer

Se fosse possível este acontecimento
De eu poder retornar àqueles momentos
Uma coisa que também queria fazer
É chegar aos meus amigos de infância e agradecer
Por demonstrarem por mim tanto sentimento

Àqueles sentimentos eram pra mim
Como uma exuberante flor num jardim
Em plena época primaveril
Mas o tempo urge e passa depressa
De repente estamos velhos àbeça
Ninguém sabe, ninguém viu

Se fosse me dado este privilégio
Eu voltaria ao meu antigo colégio
Lugar onde fui tão feliz outrora
Levaria num dia, uma gostosa maçã
Noutro dia, uma madura romã
E poria na mesa de minha professora

Se a minha infância voltasse de novo
Eu admiraria mais àquele povo
Que eu via com a bíblia na mão
Eu procuraria mais Jesus
Tentaria encontrar o sentido da cruz
Talvez assim não teria tanta ilusão

Eu também queria
Aprender o que o meu pai fazia
Com maestria e vigor
Mas o meu maior desejo
Era dar pra minha mãe mais beijos
Era dar pra ela muito mais amor

São quimeras, imaginações
A mente voa e emite sensações
Esquece que nascemos, crescemos, envelhecemos
E vamos traçando assim os nossos caminhos
No fundo estamos sempre sozinhos
E já somos velhos desde que nascemos

De Wallace Pacheco
Rio das Ostras, novembro/2005
Wallace Pacheco 11/01/2006 envie um e-mail para o autor

Portal Terceira Idade® é uma realização da
Associação Cultural Cidadão Brasil
em parceria com os Telecentros e a Prefeitura do Município de São Paulo
©Todos os direitos reservados - 2005/2006
Desenvolvimento, Webdesign e Sistemas: Kuantika Multimídia