Portal no Facebook Portal no Twitter Portal no YouTube Blog do Portal Portal nas Redes Sociais

Empresas Amigas da 3a Idade - Outras colunas

Portal Terceira Idade
Notícias do Cidadão Notícias do Cidadão Espaço Livre Espaço Livre Shows e Eventos Shows e Eventos Cursos e Atividades Cursos e Atividades Parcerias Parcerias Direitos 3a.Idade Direitos 3a.Idade

Diálogo Aberto

Enquete "Você acha
que...?"
Enquete
Cadastre-se Cadastre-se
no Portal
3a.Idade!
Busca Procurando
algo no site?
Busca
Pesquisa Links para
Pesquisa
Mural de Trocas Anuncie
seu produto!
Mural
de Trocas
Fale Conosco Dúvidas?
Sugestões?
Críticas?

Fale
Conosco
Dicas de Internet "Download"?
"Browser"?
Dicas
de Internet

Colméias da 3a.Idade
Colméias da 3a.Idade
Escolha o seu assunto e participe de nossas salas de chat temáticas

Diálogo Aberto
Diálogo Aberto
Cidadania
Alerta
Somente 1/3 dos centros para idosos existentes no país atende normas da Saúde
A principal limitação dos centros é a falta de profissionais capacitados, como médicos geriatras e gerontologistas
Por: Anisia Spezia
Aposentada, 65 anos, Coordenadora da Campanha “Seja um Cuidador Voluntário” do Portal
Fale com o colunistaFale com o colunista
Fale com o colunista
foto colunasstudo concluído no final de 2009 pelo Ministério da Saúde aponta que, dos 150 centros de referência para a saúde do idoso existentes no país, apenas 50 estão nos moldes preconizados pela pasta.

Segundo Luiza Maia, coordenadora de Saúde do Idoso do ministério, a principal limitação dos centros, cuja criação foi motivada por uma portaria de 2002, é a falta de profissionais capacitados, entre médicos geriatras e gerontologistas (profissionais de diversas áreas habilitados para as questões do idoso).

A situação é mais grave no Norte e no Nordeste, onde a pasta decidiu capacitar 500 profissionais. Atualmente, 70% dos idosos no país - cerca de 14 milhões de pessoas - dependem do Sistema Único de Saúde (SUS) e 25% deles têm problemas importantes de saúde ou estão acamados.

“Precisamos de pessoal bem formado, que não veja as questões de saúde do idoso como algo normal, coisa da velhice”, disse Luiza, durante o 17º Congresso Brasileiro de Geriatria e Gerontologia, em Belo Horizonte.

A pasta promete modificar a política para que os centros, criados para assistir principalmente vítimas de demências, recebam todos os idosos fragilizados - por exemplo, portadores de múltiplos problemas de saúde.

Além disso, destacou Luiza, é preciso que os centros estejam integrados à rede de saúde. A maioria deles, diz ela, é ligada a universidades e aos seus hospitais, muitos deles fechados para o atendimento amplo. A responsabilidade da instalação e manutenção dos centros é de Estados e municípios.

Diante do envelhecimento acelerado da população, Luiza defendeu que a área tenha tanta importância no SUS quanto as ações contra a Aids. “Todos os Estados brasileiros têm 7% de população idosa”, destacou. Hoje, 26% da população brasileira têm até 14 anos e 6,6% possui 65 anos ou mais. Em 2050, os idosos serão 22,7% e os adolescentes, 13,1%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Fotos/ilustrações: divulgação
Fonte: Ministério da Saúde, nota divulgada em 30/07/2010
Colaborou com a matéria: José Pinheiro, conselheiro do CEI/SP, membro da Câmara Técnica da Saúde da Pessoa Idosa do CES/SP e Coordenador da Comissão da Pessoa Idosa da OAB/BAURU-SP
Mais sobre o assunto, na internet
Portal Saúde - Ministério da Saúde
Saúde do Idoso

http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=153
IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística
Perfil dos Idosos Responsáveis pelos Domicílios no Brasil

http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/perfilidoso/default.shtm
Mais sobre o assunto, no Portal Terceira Idade
Diálogo Aberto > Cidadania > Solidariedade: Campanhas
Campanha “Seja um Cuidador Voluntário” ganha mais voluntários!
O Portal está recebendo e-mails de pessoas de vários estados do Brasil que querem doar seu tempo para idosos e pessoas sozinhas que não tem mais a capacidade de cuidar de si mesmas. Você também pode participar!
Diálogo Aberto > Cidadania > Violência contra a pessoa idosa
15 de junho: Dia Mundial de Combate à Violência Contra a Pessoa Idosa
A data foi criada com o objetivo de despertar uma consciência mundial, social e política, da existência da violência contra a pessoa idosa

Outras Colunas

Violência
contra a mulher
No dia 7 de agosto, o Brasil celebrou dez anos da Lei Maria da Penha
Considerada a 3ª lei mais eficaz do mundo em prol da proteção das mulheres, seu nome é uma homenagem à Maria da Penha Maia Fernandes, duas vezes vítima de tentativa de assassinato pelo marido
Especial - Alzheimer
Cidadania
Novo canal do Portal responde dúvidas de internautas sobre Alzheimer
Para amenizar a sobrecarga emocional, física e social que ocorre com os familiares de portadores da doença, a gerontóloga Eva Bettine responde, individualmente, às perguntas enviadas pelos internautas do Portal
Voluntariado
Projeto voluntário utiliza cães para ajudar na recuperação de crianças e idosos
O “Patinhas do Bem” conta com vários cães de temperamento dócil que realizam visitas em hospitais, creches, escolas e asilos, levando alegria a quem precisa
Osteoporose
Projeto de pesquisa está recrutando mulheres de 70 a 89 anos para exames gratuitos de Densitometria Óssea
O estudo, que envolve um novo equipamento para análise de ossos, está sendo desenvolvido pelo departamento de Reumatologia da Faculdade de Medicina da USP
Reflexão I
Crie o seu “Plano Estratégico de Vida”
Comece a pensar na hora de sair de cena desde o início da carreira, já no primeiro emprego. A experiência ensina que quem se preparou com antecedência, tem um pós-carreira de sucesso
Reflexão II
No cardápio do pós-carreira, você é quem faz a escolha
Não subestime a sua competência, a sua capacidade de fazer acontecer, de fazer a diferença e de ser o protagonista da sua própria vida
Direitos
O que é BPC-LOAS?
O BPC é um benefício de direito aos idosos de baixa renda e às pessoas com deficiência, oferecido pelo Fundo Nacional de Assistência Social
Alerta
Somente 1/3 dos centros para idosos existentes no país atende normas da Saúde
A principal limitação dos centros é a falta de profissionais capacitados, como médicos geriatras e gerontologistas

Portal Terceira Idade® é uma realização da
Associação Cultural Cidadão Brasil
©Todos os direitos reservados
Desenvolvimento, Webdesign e Sistemas: Auika - Web & Graphic Design